sexta-feira, 27 de abril de 2012


o gato espreita à lua alheia
à noite
a rua é cheia

4 comentários:

  1. venho espreitar a poeta
    a qualquer hora do dia
    Ana Laura, que me desperta...

    Ana, querida amiga, tem um bom resto de semana.
    Beijo.

    Nilson Barcelli

    ResponderExcluir
  2. No outro blogue não posso comentar... e aqui paraste de publicar... Cá para mim estás às avessas... rsrs...
    Tudo bem, querida amiga, tu é que sabes.
    Beijo grande.

    ResponderExcluir
  3. Bom, aqui, hein? Gostei da sua escrita...concisa e exata!

    []s

    ResponderExcluir
  4. Simplicidade e beleza com poesia e arte.
    Parabéns. Pena que parou de publicar.
    De quando em vez insiro poesia no Viva a Velhice. www.vivaavelhice.com.br

    ResponderExcluir